PROJETO ARTE CONTEMPORÂNEA COMO HOBIE

A Arte não ocupa um lugar de destaque entre as preferências nacionais. Aliás, o brasileiro praticamente não dá a mínima para a Arte.

Quer ver? Vá no YouTube, digite a palavra Arte e veja o número de acessos dos vídeos que tratam de Arte por lá. E isso em qualquer segmento, qualquer assunto relacionado com arte, qualquer modalidade. O número de acessos é tão pífio que chega a ser ridículo. Os números do YouTube são uma prova inegável de que a Arte no Brasil não está com nada.

E aqui vai mais uma prova irrefutável que o brasileiro não está nem aí para Arte.

Diferente de outros países, como Estados Unidos, França, Canadá, no Brasil a Arte não entra no PIB (Produto Interno Bruto), ao contrário do artesanato, da decoração e dos brindes, por exemplo, que entram.

O que significa uma coisa só: que não há demanda para a Arte no Brasil. Ou seja, não há consumidores para Arte por aqui.

Obviamente, nos referimos às Artes Plásticas, Artes Visuais, poesia, literatura, música erudita etc. e, principalmente, à arte atual, que é a Arte Contemporânea.

A Arte Contemporânea  então chega até mesmo a ser alvo de achincalhamento por parte de muitos que não entendem uma vírgula de arte; um cuspir por cuspir.

O desprezo pela Arte no Brasil provém de duas causas principais. Primeira: do banimento das disciplinas de Arte de nossas grades curriculares em todos os níveis de ensino, por medo das ideias das vanguardas artísticas de outrora. Segunda: da criação de um estereótipo para os artistas, segundo o qual a maioria dos artistas não trabalha, são uma casta de sonhadores inúteis e párias da sociedade.

Só há uma maneira de reverter esse quadro lamentável da Arte no Brasil: aproximando a população da Arte.

E como se faz isso objetivamente? Resposta: mostrando obras de arte como referência e incentivando a prática artística.

E foi exatamente dentro desse contexto que surgiu o PROJETO ARTE CONTEMPORÂNEA COMO HOBIE.

Ao lado de tantas outras coisas divertidas e interessantes, como aeromodelismo, colecionar antiguidades, colecionar selos, chaveiros etc., nós propomos a inclusão da prática da Arte Contemporânea no rol dos hobies desenvolvidos pelos brasileiros.

A arte contemporânea permite que se utilize diversas técnicas e os mais variados materiais do cotidiano.

Além disso, ao invés de se voltar para o objeto artístico em si mesmo, a arte contemporânea prioriza a reflexão sobre a obra de arte, o conceito, a ideia e a atitude do artista.

Esses dois últimos aspectos facilitam bastante a prática artística da Arte Contemporânea.

A seguir listamos 7 vantagens de se ter a Arte Contemporânea como hobie:

1. É algo divertido, cuja prática arranca a pessoa do dia a dia enfadonho.

2. Permite turbinar a criatividade, a cultura e a inteligência.

3. É um hobie cujo orçamento é versátil, se acomodando ao bolso de cada um.

4. É uma porta de entrada para fazer novas amizades e viver novas experiêcias.

5. Faz rejuvenescer e areja a cabecinha.

6. Aumenta a autoestima.

7. Sempre há a possibilidade de dar certo e virar artista famoso.

A Coisa - Laboratório Experimental de Arte Contemporânea


QUESTIONÁRIO DE MÚLTIPLA ESCOLHA RESPONDIDO


A) SIM! QUERO FAZER DA ARTE CONTEMPORÂNEA O MEU HOBIE! MAS POR ONDE EU COMEÇO?

Resposta:

1. Acompanhe as referências publicadas aqui na Coisa;

2. Visite os sites: Gazeta do Absurdo; Anel de Caveira; Foda-se o mundo; Arte Contemporânea Top; e utilize o tema de cada um deles para fazer sua obra de Arte Contemporânea como hobie.

B) SIM! SOU ARTISTA E GOSTARIA DE AJUDAR O PROJETO! MAS POR ONDE EU COMEÇO?

Resposta:

Divulgando esta publicação nas suas redes sociais;
Link 
https://www.acoisa.com.br/p/projeto-arte-contemporanea-como-hobie.html


C) SIM! CURTI O PROJETO E GOSTARIA DE ASSOCIAR A MARCA DA MINHA EMPRESA A ELE. COMO EU FAÇO?

Resposta:

Entre em contato com a ARANHA MARROM;

D) SIM! CURTI O PROJETO E GOSTARIA DE FAZER UMA DOAÇÃO EM DINHEIRO PARA AJUDAR? COMO EU FAÇO?

Resposta:

Obrigado por sua generosidade. Estamos providenciando os meios. Aguarde;


E) SIM! CURTI TODAS AS ALTERNATIVAS ANTERIORES! ENTÃO POR ONDE EU COMEÇO?

Resposta:

Por todas as alternativas, começando de cima para baixo.